Deputado aprova projeto de Educação com sala vazia

O presidente da Comissão de Educação, no Brasil, aprovou um projeto sozinho, depois de anunciar a votação perante uma sala vazia.

O projeto em causa está relacionado com a autorização de cursos de saúde à distância e foi aprovado pelo deputado Caio Narciso, presidente da Comissão de Educação, no passado dia 13.

Ofegante, o deputado anuncia a votação, aguarda uns segundos e declara o projeto aprovado, perante a ausência de questões ou oposição ao mesmo. “Em discussão. Não havendo quem queira discutir, aqueles que o aprovam permaneçam como se acham. Aprovado”, declara Caio Narciso.A gravação do momento revela, então, num plano mais alargado, que a sala do plenário está vazia – nenhum deputado da comissão assistiu ou participou naquela aprovação que demorou pouco mais de um minuto.

“Nada mais havendo a tratar, agradeço a presença de todos, convoco reunião deliberativa no dia 20 de dezembro, quarta-feira, às 10 horas, para tratar dos itens de pauta. Está encerrada esta sessão”, concluiu.

Segundo o portal de notícias da Globo, a Comissão de Educação votou naquele mesmo dia de manhã um requerimento para retirar da agenda o projeto sobre o ensino à distância, o que foi rejeitado. Ao final da manhã, o presidente da comissão teve de suspender os trabalhos devido a votações no Congresso Nacional. Ao fim do dia, pelas 21.45 horas, Caio Narciso voltou à sala da Comissão de Educação e realizou a aprovação “relâmpago” do projeto.

O caso motivou vários protestos. A deputada Alice Portugal apresentou um recurso para que seja anulada a aprovação, alegando que os membros da comissão receberam um email “em cima da hora” e não tiveram tempo de se deslocar do plenário para a sala da comissão.

Fonte: https://www.jn.pt/

Comments

comments

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *