Projeto: Conta que eu conto- Professoras Leidi Laura Breguedo e Liliana Souza Snatos

1 Projeto: Conta que eu conto PROFESSORAS: LEIDI LAURA BREGUEDO e LILIANA SOUZA SANTOS

2 INTRODUÇÃO A leitura é uma atividade permanente da condição humana, uma habilidade a ser adquirida desde cedo e treinada em varias formas. Lê-se para entender e reconhecer, para sonhar viajar na imaginação, por prazer ou curiosidade; lê-se para questionar e resolver problemas. O individuo que lê participa de forma efetiva na construção e reconstrução da sociedade e de si mesmo, enquanto ser humano e sua totalidade. Na sociedade moderna grande parte das atividades intelectuais e profissionais gira em torno da língua escrita. Vê-se então que o projeto Conta que eu Conto vem ao encontro com o domínio da habilidade de leitura proficiente garantindo o exercício de cidadania, o acesso aos bens culturais e a inclusão social. A leitura possui um caráter formativo e instrumental, isto é, ela serve para aprimorarmos o nosso desempenho em inúmeras atividades que realizamos em nossa vida social, acadêmica e profissional. Através da leitura testamos os nossos valores e experiências com as dos outros. Diante da perspectiva de que a leitura é fundamental no desenvolvimento do ser humano, e que a escola possui um papel importante do habito da leitura, julgou-se relevante o desenvolvimento do presente projeto: CONTA QUE EU CONTO.

3 OBJETIVO DO PROJETO: Pretendemos, ao trabalhar com o reconto de histórias infantis, que as crianças desenvolvam o prazer pela leitura, apreciando as histórias, compreendendo seu enredo, identificando personagens, memorizando as histórias e o vocabulário nelas envolvido e assumindo o desafio de tornarem-se contadoras de histórias, gravando seus recontos. A apresentação dos livros, a percepção de que os livros trazem histórias, informações e conhecimentos, e que estimulam a imaginação completará o incentivo à leitura.

4 Objetivos Específicos (as crianças deverão ser capazes de): Memorizar as histórias trabalhadas; Recontar as histórias, do modo mais fiel possível ao texto fonte; Aprender e apreciar as rimas e músicas pertinentes a cada história; Compreender o enredo da história, e a seqüência começo-meio-fim; Dramatizar as histórias; Expressar-se com segurança e autoconfiança ao contar uma história; Identificar personagens e suas características. Consolidar o cuidado e o carinho para com os livros; Escrever historias a partir de imagens sem escrita (apresentação do Livro: Folha) Criar Slides (slide show) com as historia escrita na ferramenta de edição de textos. Postar histórias no blog da turma.

5 METODOLOGIA: Contar os enredos das histórias infantis em livros; Passar as mesmas histórias em vídeos; Fazer rimas que fazem parte da história; Cantar músicas pertinentes à história; Fazer perguntas sobre os personagens, identificação e caracterização. Levar os alunos para sala de tecnologia para acessar sítios com jogos temáticos. Trabalhar com o livro FOLHA de Stepen Michael King. Através deste livro os alunos contarão a história de acordo com que o vêem, utilizando o aplicativo editor de textos ( Word/writer). (livro scaneado e transmitido através do DataShow). Após escreverem suas histórias, buscar imagens relacionadas com suas histórias e fazer slides no slideshow (www.slide.com.br).www.slide.com.br Postar imagens no blog criado para o projeto.

6 Procedimentos: Leituras das histórias pelas crianças; Brincadeiras e dramatizações das histórias; Reconto das histórias; Gravação das falas das crianças CD. Atitudes: Prazer em manusear livros; Cuidado e zelo pelos livros; Interesse por ouvir histórias; Respeito ao colega que fala, sabendo aguardar sua vez; Confiança para expressar-se verbalmente, contando uma história; Reconhecimento das características boas ou más das personagens;

7 O QUE O PROFESSOR PRECISA SABER/FAZER: Pesquisar diversas versões das histórias escolhidas, escolhendo as mais adequadas, com vocabulário rico e figuras de qualidade; Conhecer bem as histórias e o vocabulário envolvido; Pensar estratégias de aprendizagem para trabalhar com as histórias; Encontrar outros recursos para ilustrar a apresentação das histórias (vídeos, músicas, rimas, imagens, etc) Preparar figuras para montar puppets com as crianças; Criar conta no slide show. Criar Conta no blog.

8 AVALIAÇÃO: Observar e anotar a participação individual das crianças nas atividades realizadas. Anotar as questões que surgem e as respostas encontradas pelos alunos. Perceber se as crianças compreendem e utilizam o vocabulário específico do projeto.

9 BIBLIOGRAFIA: BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Referencial curricular nacional para a educação infantil. Brasília, MEC/SEF, 1998. FERRAZ, Beatriz. Construindo competências para o planejamento de Projetos Didáticos e Seqüências de Atividades na Educação Infantil. São Paulo, 2002 (mimeo).

Fonte e material em slide: http://slideplayer.com.br/

Comments

comments

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *