Veja o que diz mãe de aluno e o próprio aluno sobre greve; veja relatos em SP

[adToAppearHere]

‘Eu apoio a greve porque eles ganham muito pouco’, afirma estudante.
G1 visitou 19 escolas e encontrou duas em greve total e 12 em parcial.

O G1 esteve nesta quinta-feira (26) em escolas de todas as regiões de São Paulo e ouviu de pais, alunos e professores relatos sobre a greve que paralisa parte das escolas estaduais. Em meio à divergência entre governo e sindicato sobre o alcance da greve de professores estaduais de São Paulo iniciada na segunda-feira (23), e se há ou não greve, foram visitadas na manhã de quinta 19 escolas da capital. O resultado: 2 estavam sem aula, 12 eram parcialmente afetadas e 5 tinham aulas normais.

Em nota, a Secretaria da Educação disse que reconhece o “direito legítimo de paralisação”, afirma que “não houve dispensa de aluno em nenhuma das unidades citadas” e que os pais “devem continuar a enviar seus filhos às aulas”

E. E. Fidelino Figueiredo, Centro
“Eu apoio a greve porque eles ganham muito pouco. Eles constroem conhecimento. Nós não somos nada sem eles”, disse aluno de 13 anos, da 8ª série.

Praça da República, Centro, onde fica Secretaria Estadual da Educação
Grupos de professores do interior estão acampados em frente à Secretaria da Educação e devem ficar até a assembleia prevista para a tarde de sexta, na Avenida Paulista.

[adToAppearHere]

Fonte: http://g1.globo.com/

Comments

comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *